Motor AP: o melhor?

No post anterior, vimos um Marea com motor AP. Alguns devem estar se perguntando: “mas como?” ou “pra que fazer isso se tem um 5 cilindros?”. Bom, vendo essas indagações resolvi postar “minha tese” e um pouco de história sobre esse motor.

No final da década de 70 e começo de 80, a galera sonhava em ter os carros “fodões” da época, que eram os Dodges Charger R/T e Opala SS6. Quem tinha um “dojão” e perdia para um Opala SS virava motivo de chacota. Nesse mesmo período a Fiat também tinha seus esportivos, os 147 Racing e Rallye, mas os coitados sequer chagavam aos pés dos carrões.

bellote_dodgeRT[1] Um dos queridinhos da juventude anos 70

Posteriormente com a chegada do Gol GT e Escort XR3, muitos daqueles que queriam as “barcas” mas não tinham grana pra isso, conseguiram a tal esportividade por um preço mais em conta. E como o preço era mais baixo, as opções - até então escassas - de preparação iam surgindo, e assim esportivos menores começaram a “cutucar” os Opalas. Bem do tipo “feitiço contra o feiticeiro”, saca? Lembrando que os primeiros VW's refrigerados a água usavam motores MD 270, ou seja, o antecessor do AP,

gol-gt-84-2[1]Escort XR3 Advert[1] As novidades para a “Geração 80”

Depois do Fiat 147 Rallye, a empresa não lançou nenhum veículo realmente esportivo. Na verdade até lançaram: vieram os Uno 1.5R e 1.6R, além de sua atualização 1.6R mpi, mas naquela época pouco se dava valor a linha Fiat. Enquanto isso, os "rachas" eram de APzeiros vs. Opaleiros. Mais adiante apareceram os Fordistas (mas esses eram agrupados no “grupo dos AP”, devido a Autolatina, que resultou em alguns Ford com motor AP). Mais a frente ainda surgiam os Chevetteiros, que usavam seus “Chepala” (nada mais é do que os Chevette com motor de Opala 4 cilindros). Mas como a adaptação do motor de Opala era um tanto trabalhosa eles “apelaram” para o já aclamado “APzão”.

Chevette AP[1] Chevette com motor AP: mais facilidade na preparação

A partir de 1994, a Fiat ressurge no segmento esportivo com dois esportivos equipados com turbo, que era novidade entre os carros de série: Uno Turbo e Tempra Turbo. Eles vieram para acabar com o reinado dos Gol GTS e GTi e com a pretensão dos Escort XR3 e Kadett GSi. Até que tentaram, mas não foram páreo para a confiabilidade mecânica dos AP.

O tempo passa e novos esportivos vinham surgindo: Gol GTI 16v, Marea Turbo, Golf GTI, Audi A3 1.8T, Stilo Abarth, entre outros, sem esquecer do Omega que, substituindo o Opala, tinha a missão de ser o mais forte para “manter a linhagem” GM de motores fortes e preparação idem. Para tentar tomar o lugar dos famosos AP já se fez de tudo, seja em preparação ou na “mandinga” de algumas pessoas. Mas os tempos mudaram, e com as “receitas” de preparação para vários motores, muitos daqueles que não seriam páreo para os “fodásticos” AP mostram suas garras.

147 turbo[1] Fiat 147 preparado. Dizem que ai tem um motor de Tempra…

Lembram quando eu disse que os motores Fiat não chegava aos pés dos Dojão ou de qualquer outro carro? Pois bem: muitos preparadores que só preparavam motores AP, que provavelmente só ”levava benga” de AP's de outros preparadores, decidiram se enveredar por outros caminhos, e o mais curto deles foi começar a preparar os motores Fiasa e Sevel, que são os motores Fiat brasileiro e argentino respectivamente. Ultimamente tem aparecido muito “Fietinho” fuçado para fazer frente aos Gol e cia. com seus "APzaum". Quem se lembra do vídeo que postei aqui de um Uno argentino com tração 4x4? Pois bem, ele usa motor Sevel! Aliás, muitas das receitas que aparecem por aqui surgiram na terra de “nuestros hermanos” (fico devendo o link do vídeo). Também não podemos esquecer dos motores “Família II” da GM (os famosos "Monzatech"), que também costumam dar trabalho, e dos Ford com seus Zetec!

Em resumo: essa briga de APzeiros, Fieteiros e outros mais nunca vai ter fim, e sempre vai ter um “zé” dizendo que seu motor é melhor que o do “jão” e assim vai. Só não dá pra entender é coisas desse tipo aqui:

Subaru com motor AP paint[1] Acho que o dono desse Subaru Impreza desconhece a potência que se pode extrair dos motores boxer da marca e acaba por fazer essa gambiarra!!! O.o* “TENSO”

Opinião do editor:

Para mim não importa que motor seja: AP, PowerTech, Fiasa, Zetec, boxer ou qualquer outro, o que vale é a preparação, peças utilizadas e o mais importante: a “mão do preparador”! Eu já cansei de ouvir gente dizendo que deu pau em Golzinho com seu Escort Zetec e que Opalão deu bucha em Marea e afins, fora certas pessoas que praticamente “louvam” tal motorização, chegando a um fanatismo sem limites e, em muitos casos, fazendo a cabeça de muita gente dizendo que tal motor é o melhor do mundo!

Pô, qualquer um sabe que um motor bem preparado pode render muita coisa. Vou citar alguns exemplos: os Chevrolet com seus antigos “Família II” tinha boas receitas de preparação, incluindo turbo, e bem antes dos AP chegarem (antes era os MD270)! Os Ford com seus CHT não tinham muito a oferecer, mas depois com a chegada da linha Zetec aí a coisa começou a esquentar. A Fiat também já tinha seus motores bons, mas só agora é que estão sendo visto por muitos preparadores. E mesmo assim, ainda tem gente que diz que o AP é melhor! Sabem porque? Eu vou dizer: “custos, manutenção barata!”. Veja bem, se procurar você pode encontrar peças de motores AP (bem como qualquer peça de outro VW) em qualquer “boca de porco”, isso é fato!

Ou seja, só pelo fato de ter uma manutenção barata e peças fáceis de se encontrar muita gente considera o AP o “melhor motor do mundo”! Mas o pior é quando falam, muitas vezes sem mostrar provas, que tal carro com tal motor ‘deu benga’ em, por exemplo, uma Ferrari! Gente, vamos acordar pra vida pô! Procurem saber mais antes de falarem abobrinha por aí e ficar “pagando de expert no assunto”. Antes que digam que eu sou um APzeiro ou Fieteito, ou pior, que não passo de um “muleke bobo criado pelos avós” que mal espera ter 18 anos pra pegar o carro do pai já lhes digo: já tenho idade para ser pai de muito pirralho que fala merda sem saber em fóruns por aí, e realmente não tenho carro! Tenho minhas bikes e nem por isso fico com dor de cotovelo. Posso comprar um carro quando eu quiser, mas minhas prioridades no momento são outras.

Sou apenas mais um apaixonado por carros que não se importa com essa ou aquela marca, tipo de motor ou outra coisa, mas sim com o que cada veículo tem a oferecer e seus “prazeres” e, antes de tudo, procurar saber de tudo um pouco para não ficar dando “bola fora” a torto e direito."

“That's all folks!” ;)

55 comentários:

Ingo R disse...

CHT! CHT! CHT! =D

Helder disse...

/\ hahaha eu ri


otimo artigo

JaiSlaN disse...

QUEM QUISER VER O VÍDEO DO UNO TURBO COM TRAÇÃO 4X4 BASTA IR NO WWW.VDORACING.COM.BR E PROCURAR NA BARRA LATERAL DIREITA, MAS PRECISAMENTE EM MULTIMÍDIA. MUITO BOM O POST CONCORDO EM QUASE TODOS OS ASPECTOS.

Hellspeed disse...

Eu axo q o certo ñ é dizer q o AP é o melhor motor do mundo mais, mais prático é concerteza, os kras só dizem q ele é bom pq tem preguiça, ou pouca renda pra investir em coisa melhor.

Flavio disse...

O melhor motor de verdade é aquele que, se feitas as manutenções RECOMENDADAS PELO MANUAL DO PROPRIETARIO (e não pelo que o mecanico ou o "zé" indicou) é o que dura mais.

Não importa se é AP, CHT, FDP, PQP... seja qual for.

Eu gosto do CHT. Tive 3 carros com este motor e é otimo. Não dá pau. Hoje eu tenho Fiats (FIASA) que também não dão pau, pq eu sigo rigorosamente o manual (tanto do Palio, quanto do 147).

AP é otimo tb. Barato para manter e preparadinho dá para se extrair uma bela potencia, mas até quanto isso é vantajoso? O carro fica forte mas é impossível se guiar na cidade, sem contar que bebe litros.

Outra coisa: Gente que fala "ah, meu golzinho turbo faz 9km/l no alcool"... MENTIRA! O turbo serve para encher o cilindro que na aspiração convencional não é possível. Na MELHOR das hipoteses, o carro consumirá o dobro.

Eu tb gosto de carro forte, mas se eu quisesse, compraria original. Mesmo que fosse um Marea Turbo.

Rodrigo disse...

Tirando algumas besteiras escritas no post, tipo:
- "Chevette com motor de Opala é trabalhoso de montar", não é, é mais facil que AP, mas o AP2000 tem mais de 100cv original e o 151 do Opala tem 89cv, por isso preferem o AP em Chevette.
-Kadett GSI original anda MTO mais que GOl GTI caixa ou GTI 8v bola, mas MTO mesmo

De resto achei bem legal, e concorco com não importa de onde vem potencia o q importa é ter potencia e AP é facil de preparar pq é barato, mas os F2 eu acho mais resistente, apesar de ser mais gstão e mais caro de manutenção, mas é só pesquisar sobre preparaçõs gringas para ver outros motores, Zetec e Duratec virando 10k com mais de 250cv aspro, Gm F2 16v argentino aspro com 250cv tambem, coisa que preparador brasuca não sabe fazer...e EU nunca vi AP 16v com 250cv...se alguem viu me mostrem...na boa..

Abraço

Diego disse...

Air Cooled System....

Boxer Rules....

o.O

Paulo Freire disse...

Só discordo do lance do Uno, ele fez sim a kbeça de muito "menino véi" da época e tirou os olhos do povo do XR3 e do GTi, até mesmo hoje em dia é um carro ímpar e ñ é qualquer Zerebedê ou Maria Bonita que tem um e mantém original, salvo me engano nem 2 mil unidades ele teve produzida durante o tempo em linha (de 94 a 97). Porém, diferente do Tempra (que Turbo e 2 portas só nós tivemos) ele usava a mesma mecânica Fire (que ñ tem nada a ver com o NOSSO Fire) do Uno Turbo europeu (que é horrível comparado ao nosso). Só p/ se ter uma idéia hoje em dia dê-se por feliz aquele que encntra um body kit original do Uno Turbo...

*Kiko Molinari* "^.^" ®Originals® disse...

Rdrigo: quando eu disse que colocar motor do Opala no "cheva" era trabalhoso isso se devia no caso do radiador que, nos casos que conheci, acabava ficando "de lado" como nos VW. Já sobre os CHT Ford/Renault a vantagem é que no alcool esse motor é muito bom. Só tinha esquecido de colocar isso no texto ^^!

Abraços

ass
Kiko Molinari

Filipe A. Melo disse...

Quase chorei com a Opnião do Editor *--*
hahahhaha
Mt bom o texto.

diego felipe disse...

kiko voce deu show cara esse post so poderia classifica-lo com sensacional

Gabriel Coelho disse...

mto boa a matéria! e é bem por ai mesmo! temos MUITOS excelentes motores! AP é carne de vaca, com qqr troco se compra peça pra eles, e é óbvio que vamos ter MUITO AP preparado!
um dodge antigo tinha mais potencia que um maverick, q um Opala, mas achar peça pra MOPAR no Brasil é MUITO DIFICIL, e mesmo pra importar as opções para o "pequeno" 318 são mto poucas! lá fora o 318 é desprezado, começa-se a falar de Mopar a partir do 383, menor que isso nem se considera! sem trocar nenhuma peça, só regulando certinho pra girar mais, um Opala 250/S original atropela os "dojão" com folga! o motor 250-S do Opala é menos potente e tem mto menos torque que o 318 do dodge, mas o Opala pesa uns 400Kg a menos! no conjunto o Opala é bem mais eficiente, mesma coisa acontecia com os Gol caixote com seus AP 1.8, peitando Opala original!

Artur.Y disse...

Na verdade as preferências de cada época eram os carros mais acessíveis.

Nps anos 60 o pessoal tirava leite de pedra dos DKWs e VWs. Inclusive os rachadores de SP tinham as "escuderias", como se fossem grupos de rachadores.

Nos anos 70, os boys usavam Corcel, VW ar, Chevette e Passat. Quem tinha muito dinheiro ia de importados ou de Maverick/Opala e Dodge. Porém, esses, quando originais, perdiam para os preparados.

A preparação mais comum era taxar cabeçote, lixar os dutos, carburador e coletor.

Um Passat TS 1978 custava o mesmo que um pesado Maverick SL. Daí quem tinha dinheiro ia no Passat, mais leve e melhor de controlar, sendo que a linha 6 cil e V8 era cara e não era tão fácil de guiar, apesar o desempenho acima da média.

Para racha, ainda tinha pouca opção de preparação, a maioria importada e muito cara. Só com a vinda do motor vw 1800 (1984 e depois revisto em 1986 como AP) que a coisa tomou outro rumo, pois o motor AP vendia bastante e as corridas favoreciam o aparecimento e divulgação de preparação para motores nacionais, isso na metade da década de 1980.

Quando a década de 1990 chegou, já tinha muito preparador. Devido à quantidade de motores AP disponíveis e a facilidade de manutenção, a popularização foi um passo. Coisa que nos anos 1970 era para poucos.

Hoje virou religião! hahaha

Ingo R disse...

CHT alcoolizado 72hp =D

diego felipe disse...

eu sou tão apaixonado por carros que nem ligo se e boxer,v8,v10,v12,w12,w16,4,6,8em linha eu so amor d++ carros e pontofalei

diego felipe disse...

corrigindo amo demais

Matrix Cyber Café disse...

Boa Boa Pessoal!

Primeiro parabens pelo post muito massa!!

Cara acho que cada qual é qual!

Tenho um AP 1.8 Turbo, meu bem reguladinho, anda que é uma beleza!

Tenho um V8 302, também nos conformes, anda muito também.

Todos os motores tem suas vantagens!

Concordo com a opnião AP é massa de mexer pela facilidade e pelo custo, nem vou fazer comparações de valores e trabalho que já passei mexendo nos meus dois carros!!

Grande Abrass a Todos os Apaixonados por carros!

Parabéns pelo blog, rio mto!!

KADDAHR disse...

esse fitinho ae em cima realmente tem um motor 2.0 8v carburado de tempra...o bixim é turbo e tem 220cv estimados...eu tinha uma revista HOT que ele foi capa!! a suapensão é de palio... carrinho muito bem feito... o mais legal na matéria é um depô do dono dizendo quando ele tromba com donos folgados de golf gti e audi tubos que tentam passar ele na estrada enão conseguem..."e olha que eles tentam..." palavras do dono!!

Allex disse...

Gostei bastante desse post. Espõe exatamente o que acontece. Particularmente eu gosto muito dos motores da Fiat, mas nem por isso vou falar besteira dos motores AP por exemplo (já o contrário acontece constantemente, mesmo com o cidadão nunca ter nem encostado a mão em um carro que tenha tal motor, vide o post "Verdades sobre dono do gol"). Realmente o motor AP ganha muito em custo de manutenção e "fácil preparação", porém quanto a dizer que é o melhor motor e coisas do gênero é, desculpem o termo, burrice. É díficil dizer que existe "um melhor motor". Existem vários motores bons.

André disse...

ta, posso falar qual eh o melhor ? nao? mais vo fala, eh o do SUPRA, basta escrever no youtube assim : ''supra from hell'', q ira encontrar milhares de supra q nao tem cabimento comparar a APs Fives, enfim, eu gosto de AP mais tudo bem.. o otro qqr pode anda bem mais com certeza dependendo da preparaçao, mais melhor do mundo diria do supra. turbinado anda mais q veyron \o/ from hell.

Caio disse...

o dono do subaru trocou o motor pq é mais barato e facil pra ele abrir o motor depois de algumas etapas de arrancada , já o boxer é muito caro a manutenção (comparado com o ap)e tambem é restrito o mercado de peças disponiveis para preparação . falo isso pq sei que essa é a causa da troca de motor .
abraçoss

cRiPpLe_rOoStEr a.k.a. Kamikaze disse...

tem que matar o doido que coloca motor ap num subaru... fora a potência que dá para tirar do motor boxer da subaru ainda tem a questão do equilíbrio de peso, e aquele buraco no capô chega a ser pior que um scoop de fibra inspirado num "shaker-hood"

Fabiano disse...

Rapaziada!

Trabalho com logistica automotiva da Fiat automoveis em Betim Minas Gerais.(Pela Tegma)
rs... Parace estranho mas todos os motores 1.4 e 1.8 da Fiat são feitos em São José dos Campos! adivinhei onde?

Todos os dias são 10 carretas de motores que chegam a Fiat.

tcharlinho disse...

nos anos 80, a ford exportava aquele 2.3 quatro cilindros dos mavecos/jeep/f75/rural,,,turbinados,,,devia ser uma brincadeira interessante,,,e interessante que anos 80, quando esse motor ja ñ era utilizado nos ford daqui

Thobi disse...

hahá! Já vi uma Marea 20v levando taco de chevette aspirado AP a alcool com pistões do monza 2.0.

Paulo Freire disse...

Fabiano,

na próxima vê se diz que na verdade é faxineiro de concessionária ok? Esse 1.4 da Fiat é feito por ela mesma, ñ pela GM...

Leonardo disse...

o post fala tudo, soh uma coisa, na epoca do 1.6R, quem tinha AP1.8 ou ateh mesmo AP2000 gelava qdo se deparava com um no semaforo, era baixa cilindrada e mtos hp, passado o tempo, a magica do sevel se virou contra ele, pois hoje ele se bate p aguenta anda junto com mto 1.4 por ae, ateh mesmo da mesma marca, como os 1.4 fire da fiat, a tecnologia de hoje extrai mtos hp de poucas cilindradas, oq pode ser perigoso, todos ja ouvimos falar de motores 1.4 prendendo pistão com 10mil km! sendo q meu sevel 1.6 esta com 210mil km e nunca foi feito!

Bruno Oliveira disse...

Belo texto! Falou bonito Kiko!
Pra mim não importa se é AP, EA 111, Fivetec, Zetec, Familia II, Fire... o que importa é que amo carros e qualquer um desses desde que turbinado e bem regulado, faz bonito nas pistas e nas ruas.

H. Pacheco disse...

O subaru é do Picolé da comu "motor AP turbo". Como disseram aí ele colocou o AP por ser mais fácil pra tudo e pq já tinha quebrado dúzias de bielas do boxer, 2blocos 5 cabeçotes, etc. Então cansou e radicalizou, fez uq todo mundo fala: arranca essa bosta e mete um AP aí cara.

Cristiano Vieira disse...

Eu sou um Zetequeiro, prontofalei.

Matheus disse...

E eu um endequeiro(nome inventado nas coxa pra quem é viciado no motor Endura-E)

Eu gosto sim do Endura-e pré Zetec Rocam,apesar de ter pouca potência,adorava o barulhinho.Um dia eu ainda vou comprar um ka endura.


Daew kiko,arrebento os apzeiro!!!

AP = Alegria de Pobre '-'

mctuningdub disse...

Boa Kiko!
Esse Subaru impreza, é do Edvaldo Posses, na verdade,ele tinha comprado o carro sem motor, e tinha um motor ap sobrando, e resolveu colocalo no carro.
Ele tem Dragster(6cilindros turbo), motos e tudo mais.
Achei ridiculo fazerem isso com o subaru, maaaas...

*Kiko Molinari* "^.^" ®Originals® disse...

Bom pessoal, agradeço o "ibope" que minha poostagem tem alcançado!

Isso é praticamente um desabafo depois de ouvir tanta asneira sobre o assunto.

Agora sobre o Subaru eu já ia falar merda, mas prefiro me conter. Vai que eu falo asneira sem saber a real situação do carro...
...mas que ficou estranho, ah isso ficou ¬¬*

Abraços
Ass
Kiko Molinari

Rodrigo Marino disse...

showw de bola essa materia do motor AP...to montando um CHT, pra levar muito AP..e acabar com a egemonia dessa galera que diz : - motor AP é o melhor do mundoo!!!

tudo de bom ai
Rodrigo Marino..

Hellspeed disse...

O motor parece ter ficado meio gambiarrento, nesse subaru, mais como o kiko disse, eu ñ sei qual é a situation do carro, então eu ñ vou dizer mais nda, PS: mais q ficou feio ficou.

diego felipe disse...

se o subaru tava sem motor colocava u ap e usava só para passear

cRiPpLe_rOoStEr a.k.a. Kamikaze disse...

tcharlinho disse...

nos anos 80, a ford exportava aquele 2.3 quatro cilindros dos mavecos/jeep/f75/rural,,,turbinados,,,devia ser uma brincadeira interessante,,,e interessante que anos 80, quando esse motor ja ñ era utilizado nos ford daqui

5 de abril de 2010 21:53


turbo e com injeção eletrônica holley pro-jection, que para uso por aqui ainda era proibida por causa da reserva de mercado para computadores nacionais (lei da informática)...

Pardo disse...

A matéria é interessante, mas só acho que ela está um pouco equivocada, pois os esportivos da década de 80 só apreceam devido a crise do petróleo que começou em meados dos anos 70 e fez com que as vendas dos "Dojões", Opalas e Mavericks caissem praticamente para zero, porque nos anos 80 ninguém mais queria saber de comprar um Opala ou um maverick devido ao alto custo do combustível, nessa época muitos desses "Dojões" e Mavericks foram para o desmanche.

Mas de resto a matéria é legal, valeu por ter postado. ;)

cRiPpLe_rOoStEr a.k.a. Kamikaze disse...

Pardo disse...

A matéria é interessante, mas só acho que ela está um pouco equivocada, pois os esportivos da década de 80 só apreceam devido a crise do petróleo que começou em meados dos anos 70 e fez com que as vendas dos "Dojões", Opalas e Mavericks caissem praticamente para zero, porque nos anos 80 ninguém mais queria saber de comprar um Opala ou um maverick devido ao alto custo do combustível, nessa época muitos desses "Dojões" e Mavericks foram para o desmanche.

Mas de resto a matéria é legal, valeu por ter postado. ;)

7 de abril de 2010 00:20



realmente a crise do petróleo foi um problema sério para as banheironas, até algumas polícias chegaram a pedir para a gm fazer uma gambiarra na veraneio e usar o motor de opala 4 cilindros...

Thiago Barbosa disse...

MAS O SENTIDO DO POST É UM COMPANHEIROS: NINGUÉM AQUI DESMERECE NEHUMA MARCA DE CARRO, É SÓ HUMOR!!! AQUI MOSTRARAM QUALIDADES E DEFEITOS DE CADA. ENTÃO VAMOS NOS DEIXAR DE SE DOER A CADA POSTAGEM, SÓ PORQU~E ABORDA, CARRO X, CARRO Y.

ISSO NÃO MUDA O FATO DA REALIDADE QUE SÃO DEFEITOS CRÔNICOS DE ALGUMAS MONTADORAS

Deivison disse...

O problema desses que valorizam motor e que não ligam para o resto do carro para eles tanto faz a carroceria e o cunjunto interno por isso e melhor valorizar o carro todo não apenas o motor.

Sou mais o Omega australiano V6 muito dificil de ter ver um nas ruas e o V6 da chevrolet da pau em muito AP(alegria de pobre como ja falaram).

Só pra constar sou opaleiro.

Ingo R disse...

CHT!CHT!CHT!

lukinhas.killer disse...

eu era preconceituoso com fiat, mais depois depois que comprei um tempra e conheci os outros perdi completamente o preconceito....

falando em questão de preparação e não em carro inteiro,o AP é um motorzão, mais o meu sonho é por exemplo preparar um c20xe do VGSI/calibra...na europa ele é bem conhecido e assuat muito mais aqui no brasil a preparação e pra correr em pista é caro então o cara tem que ter o melhor custo beneficio..

aqui no brasil pra mim todas as montadoras tem motores ótimos pra preparação...pra mim só que peca amis é a ford, mesmo tendo bons motores ela não lança um carro original com muita potencia no mesmo grau das outras...por exemplo o fiesta SR europeu que passa dos 200cv facil e ainda tem um outro que não lembro a versão com 400cv pra rally...


RESUMINDO:
cada motor tem suas vantagens, mais tbm tem seus limites, e quando chega no limite de um AP que começa a brincadeira séria..eheh



[]s

Vinicius disse...

o dono realmente se cansou de ter quebras no motor! onde ele competia 580 cavalos que era potencia q ele costumava andar ! estava destruindo o miolo do motor! como ele gastou muita grana fazendo 3 motores boxer ! decidio montar um ap que rendeu mais potencia...... ficou mais barato.... e é mais confiavel..... nao sou apzeiro! mas ele pensou no custo beneficio! afinal as peças do motor boxer 4cc japones nao é nada caro em!

opaleiro sc disse...

na minha opiniao nao devemos dizer que so determinada marca de carros e boa, pois cada marca teve, tem, e vai ter carros bons e ruins, isso acontece ate entre carros do mesmo modelo, sendo alguns otimos e outros ruins.So nao concordo com o cara que compra um GOL, e anda de gol a vida toda, e que em toda roda de amigos apaixonados por carros tenta convencer a todos que o gol e o melhor carro do mundo e que a FIAT nao presta, assim posso dizer que esse cara tem a mente pequena, igual quem entra em um blog de humor e quer sair descutindo a favor do motor AP, CHT, familia 2, fire, bife com fritas, etc.E antes que digam que sou um garoto que sai com o carro do pai, eu sou mecanico de carros, ou seja, entendo do que falo, e sei que o AP e um bom motor e sei que existem melhores que ele.O AP e bastante preparado pois e antigo e com isso existem inúmeras receitas de preparação, e, não adianta comparar o AP com um motor como o zetec pois eles são completamente diferentes.

ƒlávio griŋdcore disse...

Tem gente que diz que o CHT é melhor que AP, só não vou concordar nem discordar pois nunca dirigi um CHT. Mas sou doido pra ter um Del Rey (de preferência do primeiro modelo, de 81)!

Não sou APzeiro, mas gosto do Gol da geração de 90 (92~95) e do motor também.

rafael mafra disse...

a primeira vez q eu acessei esse blog eu era APzero presepeiro,esquentadinho,quem falasse mau de AP na minha frente eu já queria matar
mais com o tempo eu descobri q existem outros motores bons para se preparar,como o "6 caneco" do opala,os V8 do maverick e do dodge,os mototres fiasa,corsa lunga e sevel da fiat,o o zetec SE e o zetec RoCan da ford(inclusive eu estou preparando um fiesta "gatinho" 2000 com um ZeTec RoCan 1.6,eu quer chega no minimo a 180 cv),o fivetech da fiat,os motores 1.8 20v turbo,o 2.2 turbo da perua RS2 e o 2.8 v6 da audi,os motores 3.0 e 4.1 do omega(inclusive,eu tenho uma suprema 3.0 turbo 94,com um bico pra cada vela,já dei benga até em uma mercedes SLK 230 kompressor),o motor familia II,tambem conhecido como monzatech,porque esse motor surgiu no monza e é referência na industria ate hoje,recebendo melhorias com o tempo como motor flex,e potencia aumentando com o tempo.Mais por outro lado o AP é um otimo motor e um dos melhores para se preparar,fica atra só do 3.0 do omega,sem contar tambem o ecotec 2.0 e 2.2 16v do vectra,a muitos chevettes com motor de vectra,por isso que o nome é chevectra,eu fiz isso em um chevette DL 93,só não turbinei ele por que ele ia ficar mais veloz do que ficou,consegui 200 de quarta marcha.APzeiros,pra que ficarem brigando com outros preparadores,se existem bons motores para se preparar(esses que eu citei)?pensem nisso
valeu

rafael mafra disse...

eu esqueci de otro motor tambem muito bom pra se preparar,os VTEC da honda,eles rendem boas potencias com pauquissimas altereações,assim como os motores subaru

valeu

Marcelo disse...

Pois é pessoal, esportivos fazem a cabeça dos futuros clientes.

Quando era moleque eu ví aquele Uno Turbo vermelho durante a idas e vindas do colégio (de busão é claro). Era o único UT da cidade.

O fato é que ficou aquilo na minha cabeça, parecia um carro de fricção mas era real. Não era um opalão ou omega mas se destacava na rua.

Lia as revistas 4RODAS com os coleguinhas e lá estava escrito que era realmente rápido e o impensável, era bom de curva.

Só sei que a Fiat fez um ótimo serviço de marketing/lavagem cerebral, pois podia dar problema em tudo mas isto marcou a minha infância e com certeza influencia indiretamente na minha escolha.

ZERO II disse...

Há quem prefira até o BX a ar, o velho e torcudo "motor do fusca", que eu já vi Gol BX dar benga em profissional em prova de arrancada nao foi brincadeira!

Eu tenho um Santana AP2000 e me sinto domando um monstro todo dia. Mas quase pegava um marea com seu fivetech. O lance é que o AP quase nao dá trabalho. O 5tech é uma bosta quando sai da fabrica. Pise acima de 150 na estrada com seu marea e tente ligar o carro no dia seguinte. Duvido.

O editor ta certo. A grande superioridade do AP ta no custo de manutenção.

ZERO II disse...

Ah sim, um doido aqui da rua tinha um Golzim com AP2000 "preparado", no turbo e no alcool. Foi o que disseram ali em cima. O bicho se afogava e a rua fedia a álcool toda vez que ele passava. Bebe litros!< hehehe

Eduardo Fujiwara disse...

se disserem que o AP é o melhor custo x benefício, eu posso até concordar, porém dizer que é o melhor motor que existe, é uma besteira enorme, existem muitos motores incrivelmente melhores que o AP por aí....

simples, se vc não tem dinheiro, arrume um AP, se vc tem, arrume coisa melhor

vanderlei disse...

eu sei opaleiros kkk é duro ver um motor 4.1 tomar ralo de golzinho 1.6ap alcool, de saida !! de final tudo bem mas nos rachas da decada de 80 e 90 vi muito gts ou mesmo gol cl 1.6 ralar os opaleiros de saida!! kkkk

teste dez disse...

Putz o cara deste blog é mesmo um Zé Ruela, nem carro tem, putz que fracassado

O melhor foi o comentário: "Tenho minhas Bikes" Kkkkkkkk

Ele usa o mesmo comentário de quem não tem Nextel e morre de vontade de ter um, porém por não ter dinheiro $$$ para isso, dá a desculpa que não tem por que não quer

Igor Albert Canavarro disse...

Prefiro um CHT "bebado" (álcool) do que um APrreio.

Postar um comentário

Comentários ofensivos, inoportunos e trolls serão excluídos. Lembre-se, não alimente os trolls!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.